Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Lux Ad Lucem

Blogue de opinião e divulgação.

Lux Ad Lucem

Blogue de opinião e divulgação.

27.Set.09

Em apenas um ano foram destruídos 234,9 mil empregos para trabalhadores com ensino básico ou menos e 115,2 mil para operários

 

Em apenas um ano foram destruídos 234,9 mil empregos para trabalhadores com ensino básico ou menos e 115,2 mil para operários

O INE acabou de divulgar as Estatísticas do Emprego do 2º Trimestre de 2009. E os media noticiaram com destaque que o desemprego em Portugal continuava a aumentar e tinha ultrapassado meio milhão, o que é dramático para centenas de milhares de famílias portuguesas que têm o trabalho como principal fonte de rendimento para viver.

[...] No entanto, o desemprego não está atingir de forma igual os trabalhadores de diferentes níveis de escolaridade No período compreendido entre o 2º Trim.2008 e o 2º Trim.2009, portanto num ano apenas, foram destruídos 234,9 mil empregos líquidos (276,6 mil se se considerar o período 2005/2009) que eram ocupados por trabalhadores com o ensino básico ou menos.

 

Durante o mesmo período o numero de empregos ocupados por trabalhadores com o ensino secundário aumentou em 48,9 mil, e com formação superior subiu em 34,1 mil

Continuar a ler o dr. Eugénio Rosa em resistir.info
 

Este estudo, naturalmente, pode ter várias leituras. O que para aqui nos interessa, neste momento, é sublinhar que a frequência e conclusão, seja do ensino secundário, seja do ensino superior dá uma maior garantia de obtenção e manutenção de emprego relativamente a níveis inferiores de escolaridade.

 

Ou seja, em palavras mais simples e contrariando um sentimento muito generalizado de que a escola não serve para nada, estudar ainda vale a pena.